Conheça NOSSOS CURSOS:

15

out 18

Quais as razões para se tornar um eletricista predial e industrial

Publicado em: 15 de Outubro de 2018. Atualizado em: 15 de Outubro de 2018 - 13:16:00. Publicado por: .

eletricista predial e industrial eletricista predial e industrial

Na lista com as 13 profissões que mais vão demandar profissionais qualificados até o ano de 2020, por duas vezes os capacitados na área de Elétrica foram citados.

Eles aparecem no 1º lugar — já que, no ramo da construção, o eletricista predial é muito requisitado  — e também no 6º lugar, posição que ficou com os eletricistas em geral. Esta última boa colocação se deve ao fato de o investimento privado ter possibilitado a contratação de mais de 661 mil profissionais na área.

Não bastassem as boas oportunidades de mercado, alguns profissionais relatam renda mensal de R$5.000 apenas com “bicos” pequenos — como ajustes em chuveiros — ou maiores, como a instalação completa de rede elétrica de uma casa.

Para aqueles afeitos à Matemática ou Física e que se divertem com uma calculadora, não faltam motivos para aderir à profissão. 

Este artigo serve para aqueles que já atuam na área e desejam se profissionalizar, mas também para os que querem dar início à carreira ou estão em busca de recolocação profissional.

Entenda como é o dia a dia de um eletricista predial e industrial, suas chances no mercado e a média salarial desse profissional. Acompanhe:

As possibilidades de atuação são muitas

O eletricista predial e industrial é o profissional responsável pelas instalações elétricas das edificações, do início ao fim do processo de uma obra.

As possibilidades de atuação não se restringem às construções. A manutenção preventiva, preditiva e corretiva são algumas opções que explicam por que o mercado está sempre em alta para essa área.

A telefonia, graças à sua expansão por todo o país, também contribui para aumentar a necessidade de recrutamento de eletricistas. 

Além das muitas oportunidades de emprego na empresas de construção civil, há um mercado atrativo para os autônomos. Desde que esse profissional consiga se organizar bem, os rendimentos mensais podem ser ainda mais interessantes do que os de um emprego fixo.

O conteúdo aprendido no curso é variado

Em um curso para se tornar um eletricista predial e industrial você aprende a executar projetos elétricos e realizar manutenções nas instalações elétricas de residências, prédios e indústrias.
Tudo isso, claro, de acordo com as normas ABNT NBR e suas determinações de segurança.

Em apenas 2 meses, com carga horária de 48 horas, você pode conseguir o diploma do curso profissionalizante e ser um eletricista predial e industrial. Veja o que um aluno desse curso estuda:

  • Tensão e Corrente Elétrica
  • Potência Elétrica
  • Levantamento de Cargas Elétricas
  • Tipos de Fornecimento e Tensão
  • Padrão de Entrada
  • Quadro de Distribuição
  • Disjuntores Termomagnéticos
  • Disjuntor Diferencial - Residual (DR)
  • Simbologia
  • Condutores Elétricos
  • Condutor de Proteção (Fio Terra)
  • Planejamento de Rede de Eletrodutos
  • Esquemas de Ligação
  • Representação de Eletrodutos e Condutores na Planta
  • Cálculo da Corrente Elétrica em um Circuito
  • Cálculo da Potência do Circuito de Distribuição
  • Dimensionamento da Fiação e dos Disjuntores dos Circuitos
  • Dimensionamento do Disjuntor Aplicado no Quadro do Medidor
  • Disjuntores Trifásicos
  • Contatores
  • Motores trifásicos
  • Diagrama de Carga e Comando

As escolas de formação profissional, habitualmente, exigem apenas que o interessado em se matricular tenha o Ensino Fundamental completo, goste de matemática.

Há muitas oportunidades na área

Recentemente, o G1 produziu uma matéria contando sobre o dia a dia desse profissional. Sem dúvidas, o que mais impressiona nas entrevistas são os relatos dos eletricistas prediais e industriais sobre as oportunidades crescentes na área.

“O que falta mesmo são pessoas para trabalhar. São poucos eletricistas e, às vezes, não sobra nem tempo, de tanto serviço e tantas coisas para se fazer.”

Essa foi a fala de um dos entrevistados nas reportagem, profissional autônomo da área. Você pode conferir a matéria completa e assistir à reportagem clicando aqui

Em uma rápida pesquisa em dois sites que divulgam vagas de emprego, encontramos 251 vagas disponíveis para esse profissional no primeiro, e 208 vagas em um no segundo.

A média salarial é alta

Em um dos principais portais de divulgação de vagas de emprego, o Catho, as oportunidades para um Eletricista Predial chegam a oferecer salários que giram em torno dos R$ 3.000.

Contudo, os valores podem variar, uma vez que esse tipo de profissão permite o trabalho de forma autônoma do profissional, o qual ganhará de acordo com a quantidade de trabalhos executados.

Há, ainda, chances de trabalho para quem prefere se tornar servidor público da área, se inscrevendo para vagas de concurso público ofertadas em todo o país.

O CECON, há 18 anos, é referência na formação de profissionais de qualidade. Caso você tenha se decidido e deseja se tornar um eletricista predial e industrial, solicite um contato nosso.

As unidades de Betim, Belo Horizonte e Divinópolis estão preparadas para receber você!